quarta-feira, 9 de junho de 2010

=)

Com sinceridade eu entrei no curso de odonto odiando a ideia de um dia eu me transformar em dentista, no segundo ano comecei a aceitar a ideia, apesar de ter que carregar uma mala de aproximadamente 5Kg fora os meus armarios empanturrados de materiais, que eu nem sabia para que servia. No quarto ano comecei adorar o fato de ser dentista, comecei a dar importância para coisas que eu achava besteira. Agora me formei achando que eu ia receber pelo menos o piso salarial, Não... me enganei, comecei pagando para trabalhar, mas os que os pacientes não sabem é que as vezes a restauração que você esta fazendo nele não paga nem a sua hora, porque os donos das clinicas ficam com a maioria da porcentagem do serviço.
Considerando o fato de que são 14 anos (contando pré-fundamental-médio) mais 4 anos integral (8:00 as 18:00) são 18 anos de estudo só para ter o titulo de Cirurgião-dentista, o que o paciente não imagina é que você ganha mal, (estou citando o meu caso) acreditam que você é um ser que não sente fome e nem sede, que é alegre o tempo todo e sempre muito educado, afim de contas você é Doutor (apesar de não ter doutorado). O dentista para o bem-estar do paciente acaba se prejudicando, as costas, a audição e etc. Mas vale a pena, pois você olha o serviço pronto e esta lindo, eu penso parabens Laura mas você ainda tem muito que melhorar. E quando não está lá estas coisas mas o paciente adora, ai não tem graça porque eu sei que poderia ficar melhor. Quando não tem paciente fico treinando escultura, porque o paciente não quer ter um provisório tão feio que dá vergonha. Eu nem sei porque estou escrevendo isto este é o pior post que eu faço, não que os outros estejam muito bom, mas pelo menos ele tem algo util. Este é apenas o meu desabafo.


Odontologia depois da Medicina é o curso mas fácil de arrumar emprego depois de formado, 93% dos recem-formados conseguem um emprego facilmente, afinal de contas todos precisam ir ao dentista, ate quem não tem dente (hehehe)

Estou feliz com a minha profissão e com a minha vida. Faço o meu trabalho com amor, apesar de não me sentir recompensada financeiramente, mas daqui a 2 anos tudo será diferente $$ para melhor é claro.

Um comentário:

  1. Muito bom o seu blog Laura. Parabéns. Muito sucesso na sua carreira.

    ResponderExcluir